OS FILMES DE FRED ASTAIRE E GINGER ROGERS

Quem ama cinema clássico e musicais com certeza conhece e ama essa dupla que cativou multidões e que até hoje faz muita gente se apaixonar com seus números musicais icônicos, românticos e suspirantes. Hoje vamos falar um pouco de cada um dos dez filmes que essa dupla tão perfeita e fantástica fizeram.

Voando para o Rio - Flying Down to Rio (1933)
Foi o primeiro filme da dupla, onde ambos interpretam personagens coadjuvantes, o carisma de ambos é tão grande que em determinados momentos eles roubam a cena dos protagonistas. Destaque para a cena em que dançam "The Carioca".

A Alegre Divorciada - The Gay Divorcee (1934)
Filme onde Fred Astaire reprisa o seu papel da peça da Broadway, além de imortalizar a letra "Night and Day" de Cole Porter. O musical original chamava-se "The Gay Divorce", mas devido a problemas com censura, acrescentou-se uma letra "e" a mais e com isso o título foi liberado.

Roberta (1935)
Filme onde Fred e Ginger mais uma vez eram coadjuvantes, porém com um destaque muito maior se comparado a "Voando para o Rio". O filme é baseado em outro grande sucesso da Broadway e conta também com a aparição da até então desconhecida Lucille Ball.

O Picolino - Top Hat (1935)
Dos 10 filmes que Fred e Ginger fizeram juntos, esse é o mais famoso de todos e o que possui uma das cenas mais lembradas: a dupla dançando ao som de "Cheek to Cheek". Inclusive essa cena aparece em outro filme "The Purple Rose of Cairo" (A Rosa Púrpura do Cairo) do diretor Woody Allen. O filme ocupa o 15º lugar na lista dos 25 maiores musicais americanos de todos os tempos.

Nas Águas da Esquadra - Follow the Fleet (1936)
Comparado com os anteriores o filme possui bastante diferenças no roteiro. Os personagens centrais são pobres, ninguém se passa por outra pessoa (recurso bastante repetitivo nos filmes da dupla), ausência de um núcleo cômico e Astaire usando um uniforme de marinheiro, dispensando seus trajes habituais (o smoking).

Ritmo Louco - Swing Time (1936)
Dos filmes que fizeram juntos, esse era o favorito de Ginger, porém foi o mais trabalhoso. Exigiu ensaios que ultrapassaram 350 horas, além de 47 tomadas para a cena "Never Gonna Dance", fazendo os pés de Ginger Rogers sangrarem. Venceu um Oscar na categoria de melhor canção original por "The Way You Look Tonight" composta por Jerome Kern e Dorothy Fields.

Vamos Dançar? - Shall we Dance (1937)
Praticamente uma repetição dos filmes anteriores, foi um dos filmes que menos lucraram dos dois. Mas nem isso retira o brilho e a magia. Era para ser o último filme da dupla, porém devido ao fracasso de um filme que Fred Astaire fez com Joan Fontaine, a RKO decidiu uni-los mais uma vez. A fórmula estava se desgastando, porém eles ainda davam lucro para o estúdio.

Dance Comigo - Carefree (1938)
Carefree é uma tentativa de dar um novo fôlego nos filmes da dupla. Aqui temos menos música e mais comédia. Fred Astaire inova combinando passos de dança com tacos de golfe, psicanálise como tema de enredo, além do número "Hypnotic Dance".  Mesmo com todas essas inovações, o filme deu um certo prejuízo a RKO.

A História de Vernon e Irene Castle - The Story of Vernon and Irene Castle (1939)
Último filme de Fred e Ginger pela RKO e também um filme que escapa do apelo cômico: um filme sobre Irene e Vernon Castle uma das duplas de dança de salão mais populares dos anos 10. As danças inseridas nesse filme são reproduções das danças da época, isentando Fred de inovar. Além de diferente de tudo o que a dupla já havia feito, por ser um filme dramático e biográfico.
Vale a pena ser conferido pois mostra a versatilidade de ambos.  Esse filme também é o último filme da dupla pelo estúdio RKO. Ginger Rogers investiu em uma carreira mais "séria", para se desvencilhar do nome de Fred Astaire e dos musicais, chegando a ganhar um Oscar pelo filme "Kitty Foyle".

Ciúmes, Sinal de Amor - The Barkleys of Broadway (1949)
Dez anos após "Irene e Vernon Castle", Fred e Ginger se reuniram por acaso nesse filme que é o único da dupla em Technicolor, além de ser o último. O papel inicialmente havia sido oferecido a Judy Garland, com a indisponibilidade dessa, cogitaram novamente reunir os dois agora pela MGM. A história segundo dizem se baseia nas tensões compartilhadas entre ambos na vida real.


***
OS FILMES DE FRED ASTAIRE E GINGER ROGERS OS FILMES DE FRED ASTAIRE E GINGER ROGERS Reviewed by Rodrigo Veninno on 15:39 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por comentar!!!

Tecnologia do Blogger.