CINEMATECA - O OUTRO LADO DA MEIA-NOITE (THE OTHER SIDE OF MIDNIGHT)

"O Outro Lado da Meia-Noite", escrito em 1973 e um grande fenômeno de vendas, foi o segundo romance escrito por Sidney Sheldon. O primeiro romance havia sido "A Outra Face" (The Naked Face) em 1970. Antes de se tornar um aclamado escritor, Sheldon colaborou como roteirista de grandes clássicos de Hollywood, como também foi o responsável pela criação do clássico seriado "Jeannie é um Gênio" (I Drem of Jeannie). Com o sucesso do livro, foi cogitado então uma adaptação cinematográfica. A Fox conseguiu os direitos do filme e foi produzido em 1977, quatro anos após a publicação do romance, com direção de Charle Jarrott e no elenco Marie-France Pisier, em seu primeiro filme americano, John Beck e Susan Sarandon. 
O filme e o livro se passam durante a Segunda Guerra Mundial e contam a história de Catherine uma mulher americana e Noelle uma atriz francesa, duas mulheres diferentes que amam o mesmo homem: Larry Douglas, um aviador. Noelle conhece Larry e pouco tempo depois decidem se casar, porém Larry decide fugir e acaba se casando com Catherine. Ao descobrir o acontecimento, Noelle decide então se vingar de Larry, decidindo transformar-se em uma pessoa famosa, para que Larry a veja e  lembre-se dela, porém quando eles se reencontram, a paixão reacende.
Em 1990, Sidney Sheldon lançou uma continuação do livro, denominada "Memórias da Meia-Noite" (Memories of Midnight), centrada em Catherine. No ano seguinte, a sequência foi adaptada para a televisão em formato de mini-série, com Jane Seymour no papel de Catherine. Além da versão americana, o livro chegou a ser adaptado e transmitido por rádio no Japão. "O Outro Lado da Meia-Noite", foi o primeiro livro de Sheldon a ser adaptado para o cinema. O segundo filme seria "A Herdeira" (Bloodline) em 1979, com Audrey Hepburn e James Mason nos papéis principais.

O livro ficou em primeiro lugar na lista do The New York Times, sendo um dos fatores decisivos para uma adaptação cinematográfica, tanto que os produtores estavam mais confiantes no sucesso deste filme, do que "Star Wars" que foi lançado na mesma época. O estúdio só liberou "O Outro Lado..." apenas para os cinemas que concordassem em exibir "Star Wars", que estava estourando seu orçamento e trazendo grande desconfiança aos produtores. Porém "Star Wars" foi um sucesso esmagador, lucrando mais de 230 milhões de dólares no mundo todo e iniciando uma franquia, enquanto "O Outro Lado" arrecadou apenas 18 milhões de dólares.
O produtor Frank Yablans, determinou que os papéis principais neste filme, seriam interpretados por atores desconhecidos ou estrelas de nome não tão famosos, tanto que para o papel de Noelle foi designado um caçador de talentos para encontrar uma atriz apta para o papel. No final o papel ficou com Marie-France Pisier, que havia feito alguns filmes na França, como "Antoine et Collete", "Le Fantôme de la liberté" (O Fantasma da Liberdade), "Céline et Julie vont en bateau", entre outros. Para o papel de Larry foi escolhido John Beck, pois os produtores queriam um ator que se assemelhasse a Errol Flynn, quando jovem. Susan Sarandon que interpretou Catherine, se encontrava em início de ascensão na época, graças ao filme cult "The Rocky Horror Picture Show" de 1975.

"O Outro Lado da Meia-Noite" é um dos lançamentos da Obras Primas do Cinema.
Clique na capa do produto e saiba mais informações e compre hoje mesmo:


***

CINEMATECA - O OUTRO LADO DA MEIA-NOITE (THE OTHER SIDE OF MIDNIGHT) CINEMATECA - O OUTRO LADO DA MEIA-NOITE (THE OTHER SIDE OF MIDNIGHT) Reviewed by Rodrigo Veninno on 15:59 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por comentar!!!

Tecnologia do Blogger.