CINEMATECA - LA VIOLETERA

"La Violetera" foi responsável por apresentar Sara Montiel ao mundo e pôde mostrar a sua versatilidade tanto como atriz, quanto como cantora,. Nesse filme Sara consegue sua grande oportunidade de realmente brilhar em cena. "La Violetera" chegou aos cinemas em 1958, porém em 1954, Sara havia feito uma participação no western "Vera Cruz" ao lado de Gary Cooper e Burt Lancaster, sendo dirigida por Robert Aldrich, fazendo assim sua estreia em Hollywood. Um dos fatores decisivos para Sara Montiel estrelar "La Violetera", foi o sucesso inesperado de "A Última Canção" (El Ultimo Cuplé), filme gravado em 1957, com poucos recursos e que fez um sucesso gigante, arrecadando mais que o dobro do orçamento.
O filme tem todos os ingredientes de um folhetim. Se passa em Madri, no início do século XX, onde Soledad (Montiel), uma moça bonita e sonhadora, vende violetas do lado de fora do teatro, além de vender violetas, Soledad também canta. Graças a sua voz encantadora, ela consegue despertar a atenção de Fernando (Raf Vallone), que se apaixona por ela. Porém a grande diferença social entre ambos, faz com que eles se separem. Anos mais tarde Soledad se transforma em uma famosa cantora, se casa e reencontra Fernando que também está casado, porém ambos são infelizes com seus conjugues. Até que uma tragédia acontece e muda o destino de ambos novamente.
A canção "La Violetera", foi composta por José Padilla em 1914 e foi escrita por Eduardo Montesinos e popularizada na voz da cantora espanhola Raquel Meller. Chaplin chegou a utilizar uma versão instrumental da música em seu filme "Luzes da Cidade" (City Lights) sem nenhum tipo de autorização, o que acabou causando um processo contra Chaplin, por uso indevido da música. Com os sucessos "A Última Canção" e "La Violetera", Sara firmou um contrato milionário para estrelar diversos filmes, entre eles "Carmen La de Ronda", Mi último Tango", "Pecado de Amor", "Noches de Casablanca" e "La Mujer Perdida", seus maiores sucessos. Fazendo com que Sara tornar-se a maior atriz hispânica durante as décadas de 50 e 60.

"La Violetera" foi lançado em dvd pela Classicline, adquira hoje mesmo:


***

CINEMATECA - LA VIOLETERA CINEMATECA - LA VIOLETERA Reviewed by Rodrigo Veninno on 05:00 Rating: 5

2 comentários:

  1. na epoca esse filme fazia o publico chorar de tanta emoção, e Sarita Montiel esta belissima, que saudades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amo Sarita, em breve mais filmes dela aparecerão por aqui.

      Excluir

Obrigado por comentar!!!

Tecnologia do Blogger.