CINEMATECA - SANGUE DE PANTERA (CAT PEOPLE) (1942)

A RKO na década de 40 vendo o sucesso da Universal no âmbito dos filmes de horror, decidiu criar sua própria linha de filmes do gênero. Com isso nasceu em 1942, "Sangue de Pantera" (Cat People) o primeiro filme dessa linha. O estúdio contratou Val Lewton, que era um jornalista, romancista e poeta, para produzir filmes de horror de baixo orçamento, já que o estúdio não se encontrava em boa situação financeira. O filme foi dirigido por Jacques Tourneur que junto com Lewton, produziriam no ano seguinte, outras pérolas como "A Morta-Viva" (I Walked with a Zombie) e "O Homem-Leopardo" (The Leopard Man). Foi rodado em menos de um mês e na maioria das vezes usando cenários de outras produções do estúdio como "Soberba" (The Magnificent Ambersons).
O filme conta a história de Irena Dubrovna (Simone Simon), uma bela e misteriosa mulher, que trabalha em Nova York, como designer de moda. Irena conhece Oliver (Ken Smith) e acaba se casando com ele. Com a convivência, Oliver percebe algo anormal no comportamento de Irena, que acredita ser descendente de uma raça de mulheres que se transformam em panteras, quando estão excitadas ou enciumadas. Oliver acaba conhecendo Alice (Jane Randolph), que desperta os ciúmes de Irena. Com isso situações misteriosas e inexplicáveis começam a acontecer.
O estúdio pressionou Tourneur, para que ele usasse uma pantera de verdade, no lugar de Simone Simon em duas cenas. Tourneur insistiu em usar a tensão psicológica, ao invés do terror explícito e acabou conduzindo o filme sem transtornos. Com o baixo orçamento, muitos problemas ocorreram durante a produção, para não atrasar as filmagens, foram utilizadas duas equipes: a noturna que filmava os animais e a diurna que filmava os atores. Uma cena em particular gerou um termo chamado "Lewton Bus", que era usado para denominar cenas que conduziam lentamente uma tensão que causaria um choque brusco, mas que no final acaba tendo um desfecho completamente inofensivo. Com três dias de filmagens, Lewton quase foi demitido, pois o chefe do setor de filmes B da RKO, analisou o material dos três dias  e não ficou satisfeito, porém o chefe do estúdio, estava satisfeito com o trabalho de Lewton e o deixou prosseguir.
Inicialmente Jennifer Jones havia sido cotada para o papel de Alice, mas devido ao orçamento pequeno, o estúdio decidiu optar por uma atriz mais acessível. Lewton sugeriu Simone Simon para o papel de Irena, após ver seu desempenho em "O Homem que Vendeu a Alma (All That Money Can Buy). O filme estreou nos cinemas em 25 de dezembro de 1942, com um orçamento modesto de 150 mil dólares. Gerou críticas mistas e ficou em cartaz por bastante tempo, lucrando mais de 4 milhões de dólares. Dez anos depois em 1952, foi relançado nos cinemas.
Em 1944 ganhou uma sequência chamada "A Maldição do Sangue de Pantera" (The Curse of the Cat People), produzida por Lewton e dirigida por Gunther von Fritsch e Robert Wise.  Com uma história completamente diferente, os produtores usaram esse título, visando lucro em cima do primeiro filme.
Em 1982 foi feito um remake com Natassja Kinski no papel principal e sob direção de Paul Schrader.

"Sangue de Pantera" foi lançado pela Obras-Primas do Cinema e já se encontra disponível para compra, nas melhores lojas do ramo, clique na capa, para saber mais informações ou para adquirir a sua edição:
***
CINEMATECA - SANGUE DE PANTERA (CAT PEOPLE) (1942) CINEMATECA - SANGUE DE PANTERA (CAT PEOPLE) (1942) Reviewed by Rodrigo Veninno on 04:19 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por comentar!!!

Tecnologia do Blogger.