CINEMATECA - VICTOR VICTORIA (1982)

"Victor Victoria" é o ponto mais alto da parceria entre Julie Andrews e seu marido, o diretor Blake Edwards. Dessa parceria surgiram filmes como "Darling Lili", "S.O.B.", "Sementes de Tamarindo" (The Tamarind Seed), "Mulher Nota 10" (10), entre outros. Ao todo trabalharam juntos em 8 filmes.
O filme foi lançado pela MGM em 1982, além de Julie Andrews, conta no elenco James Garner, Robert Preston, Lesley Ann Warren, entre outros. Foi produzido por Tony Adams, com trilha sonora de Henry Mancini e as musicas escritas por Leslie Bricusse.
A trama do filme se passa em Paris em 1934, contando a história de Victoria Grant (Andrews), uma cantora lírica desempregada, que acaba conhecendo Carroll Todd (Robert Preston), um cantor homossexual que também está desempregado. Juntos eles articulam um plano para levá-los ao estrelato: Victoria se faz passar por um homem chamado Conde Victor Grezhinski, que é um transformista. As coisas dão certo e o show torna-se um grande sucesso nas noites francesas.
Porém o plano começa a falhar, quando Victoria se apaixona pelo gângster King Marchand (Garner). O maior conflito de Victoria consistem em se deve contar ou não para King que no fundo ela é realmente uma mulher e que tudo não passa de uma farsa, arriscando tudo o que conquistou.
O filme é baseado em um clássico alemão chamado "Viktor Und Viktoria" de 1933, que foi refilmado várias vezes: ganhou uma versão em 1934 chamada "Georges et Georgette", filmada na Alemanha, porém em idioma Francês, uma outra versão em 1935 feita no Reino Unido e por fim um remake alemão com o mesmo título do original, em 1957. Para compor sua personagem Julie Andrews assistiu a versão de 1933, estrelada por Renate Müller e praticou aulas de boxe.
O roteiro do filme foi adaptado por Blake Edwards e Hans Hoemberg e demorou apenas um mês para ser concluído. Originalmente o filme seria produzido em 1978 com Julie Andrews e Peter Sellers nos papéis principais, porém Peter acabou falecendo em 1980 e o projeto foi arquivado. Existem rumores de que quando finalmente o filme saiu do papel, o nome de Tom Selleck foi cogitado para interpretar King Marchand, porém tal boato foi negado por Edwards, que afirmou que sua primeira opção sempre havia sido James Garner.
Anos mais tarde Edwards disse em uma entrevista que originalmente o personagem de King iria para a cama com Victoria, sem ter certeza do seu gênero, porém acabou mudando de ideia e acrescentou uma cena em que o gângster descobre que Victoria realmente é mulher.
Recebeu um Oscar de Melhor Trilha Sonora, além de seis indicações nas categorias de Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Atriz, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Direção de Arte e Melhor Figurino. Julie Andrews recebeu um Globo de Ouro e um David di Donatello (prêmio Italiano) de Melhor Atriz e o filme recebeu um César (prêmio Francês).
Julie Andrews reprisou o papel de Victoria numa adaptação para a Broadway em 1995, que contou com mais de 700 apresentações, além de uma adaptação televisiva no mesmo ano.

"Victor Victoria" foi lançado pela Classicline. Clique na capa, para maiores informações ou para comprar:


***
CINEMATECA - VICTOR VICTORIA (1982) CINEMATECA - VICTOR VICTORIA (1982) Reviewed by Rodrigo Veninno on 04:37 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por comentar!!!

Tecnologia do Blogger.