GERALDINE FARRAR EM JOANA D'ARC - JOAN THE WOMAN (1916)

Joana D'Arc foi retratada no cinema diversas vezes, principalmente no cinema mudo, mas infelizmente muitas dessas retratações silenciosas estão perdidas ou esquecidas. A mais famosa de todas talvez seja "A Paixão de Joana D'Arc" (La Passion de Jeanne d'Arc), de Carl T. Dreyer, realizada em 1928. Essa versão foi considerada perdida por anos até ser encontrada em um sanatório norueguês no início da década de 80. O primeiro registro de uma obra cinematográfica sobre Joana D'Arc consta de 1895, como um curta (perdido). Em 1900, Georges Méliès produziu um curta de dez minutos tintado sobre a mártir. Em 1909, 1913 e 1914 foram produzidos outros curta-metragens. Em 1916 foi produzido "Joan the Woman", um épico com mais de duas horas, dirigido por Cecil B. DeMille, com Geraldine Farrar como Joana D'Arc. O filme foi baseado em uma peça alemã chamada Die Jungfrau von Orelans (A Donzela de Orleans), de 1801, de Friedrich Schiller. O filme foi lançado estrategicamente em 25 de Dezembro de 1916, chegando a arrecadar cerca de 600 mil dólares, sendo considerado o "primeiro espetáculo sobre Joana D'Arc no cinema".











Postar um comentário

0 Comentários