RESENHA - GRETA GARBO + R. W. FASSBINDER - OBRAS-PRIMAS DO CINEMA


A Obras-Primas do Cinema trouxe para o mercado duas edições bastante especiais: uma da atriz Greta Garbo e outra do diretor alemão Rainer Werner Fassbinder. A edição da atriz Greta Garbo, traz os seguintes filmes em dois discos: "A Carne e o Diabo" (um de seus maiores êxitos no cinema mudo, lhe trazendo a alcunha de "Vamp"), "Anna Christie" (seu primeiro filme falado), "O Véu Pintado" e o inédito "Madame Waleska". Uma curiosidade sobre "O Véu Pintado", é que ele foi lançado pela Colecione Clássicos em péssima qualidade. Desta vez, a Obras-Primas do Cinema traz o filme em uma qualidade de imagem e som infinitamente superiores. Quem tem a edição antiga, pode trocar por essa tranquilamente. Nos extras, há o final alternativo de "A Carne e o Diabo", um trecho de "A Mulher Divina", o único filme considerado perdido estrelado por Garbo e por último, um documentário de cerca de dez minutos sobre a atriz, narrado por mim. A edição do diretor Fassbinder, traz seis filmes em três discos: "As Lágrimas de Petra von Kant", "O Medo Consome a Alma", "O Direito do Mais Forte é a Liberdade", "Eu Só Quero que Vocês me Amem", "O Soldado Americano" e "Deuses da Peste". Todos os filmes estão com a imagem espetacular, valorizando o aspecto fotográfico de todos os filmes. Nos extras há entrevistas com o diretor de fotografia Michael Ballhaus, com a atriz Brigitte Mira, com o compositor Peer Raben e com o próprio Fassbinder.





Capturas
(clique para ampliar)






































































Capturas
(clique para ampliar)























































Os dois lançamentos, já estão disponíveis para compra no site oficial da empresa, Colecione Clássicos. Clique na foto abaixo e seja direcionado para o site da distribuidora e confira os últimos lançamentos, além do catálogo disponível. Os lançamentos da Obras-Primas do Cinema, você também encontra nas lojas: Amazon e Vídeo Pérola.

Próximos Lançamentos



Postar um comentário

0 Comentários